Todas as regiões da capital paulista entraram em estado de atenção para alagamentos, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura.

A chuva forte que atingiu a cidade de São Paulo na tarde desta quarta-feira (17) colocou todas as regiões da capital em estado de atenção para alagamentos, segundo boletim do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura. O temporal provocou queda de árvores e 18 pontos de alagamento na cidade até as 18h30, segundo o monitoramento do CGE.

Na Zona Sul, ruas ficaram alagadas no Jabaquara e moradores do Campo Belo relataram fortes ventos na região do Aeroporto de Congonhas. O Corpo de Bombeiros recebeu 13 chamados para quedas de árvores até as 18h.

A prefeitura registrou o transbordamento de um córrego na Avenida Carlos Caldeira Filho, no Campo Limpo, Zona Sul da capital, e alertou para a a iminência de transbordamento do córrego Ipiranga, na Avenida Professor Abraão de Morais, também na Zona Sul.

Já a Companhia de Engenharia de Trafego (CET) informou que, na Zona Oeste, o sentido Marginal Pinheiros do Túnel Fernando Vieira de Mello, ligação da Avenida Rebouças com a Avenida Eusébio Matoso, foi fechado preventivamente.

A linha 10-Turquesa da CPTM passou a circular com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações Brás e Rio Grande da Serra devido às fortes chuvas.

Os meteorologistas alertaram para a possibilidade de novas áreas de chuvas que podem deixar o tempo instável nas próximas horas, especialmente nas regiões Leste e Norte da capital.





Deixe seu Comentário